a60.jpg

NOTA ! Este sítio utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes.

Se não alterar os parâmetros do seu navegador, está de acordo. Saber mais

Compreendo

ArteAzul-Atelier

 

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Ver detalhes

Teoria das Cores

Cores primárias

São três as cores primárias: o vermelho, o amarelo e o azul. Misturadas duas a duas, essas cores dão origem a outras três - as cores secundárias: o laranja (mistura do vermelho com o amarelo), o verde (mistura do amarelo com o azul) e o violeta (mistura do vermelho com o azul). Naturalmente, cada uma dessas combinações depende da proporção das cores primárias usadas: por exemplo, acrescentando muito amarelo e um pouco de azul, teremos um verde mais amarelado. Finalmente, se misturarmos entre si as cores primárias e as secundárias, obteremos as cores terciárias, em geral as mais frequentes na natureza: vermelho-laranja, amarelo-verde e azul-violeta.

Ler mais...

Arquitetura de Potes

Potes: configuração de novas formas   

A "arquitetura de potes" não tem sido temática a que o ArteAzul-Atelier tenha dedicado, nos últimos tempos, algum do seu tempo, salvo algumas peças como a da imagem que mostramos, às quais transmitimos e renovámos com uma nova pintura.

Ler mais...

Folha de Estanho

Maleabilidade e brilho

A folha de estanho é um bom material para a execução dos mais variados trabalhos artesanais. As suas características como por exemplo a relativa dureza, a maleabilidade e o brilho constituem facilidades e vantagens em relação a outros materiais, pois facilitam o seu manuseamento e o desenrolar do trabalho, resultando em obras de qualidade sem a necessidade de grandes esforços e de utensílios complexos. A folha de estanho é perfeitamente adequada às mãos dos principiantes pela simplicidade das técnicas usadas na realização de obras não muito complicadas.

Ler mais...

Casinha de Natal

Casinha de Natal com cascas de pinheiro

Apresentámos já uma casinha de Natal executada a partir de uma caixa de cartão à qual colámos nas suas superfícies escamas de pinhas. A imagem ao lado representa uma casinha semelhante com o mesmo processo de execução. Desta vez colaram-se pequenas cascas de pinheiro de um modo um tanto ou quanto irregular imprimindo à peça características de maior rusticidade.

Ler mais...

Colagem de Papel

Colagem de Papel sobre uma Superfície

A técnica de colagem é um trabalho artesanal que consiste na fixação de motivos de papel em objetos. Esses motivos de papel são fixos com o auxílio de cola transparente e posteriormente envernizados com sucessivas camadas. Em primeiro lugar, deve ter-se especial cuidado na escolha dos papéis que contêm os motivos. Eles devem ter uma espessura suficientemente forte e resistente para suportarem com facilidade as diversas camadas de verniz.

Ler mais...

Découpage : Arte Popular Suiça

O découpage, da cidade ao campo

Progressivamente, o Découpage passou das cidades para as aldeias e o campo. Muitos professores criaram, através da técnica découpage, imagens recordativas e imagens votivas, numa combinação de découpage, caligrafia artística e pintura, que resultaram em presentes para ocasiões especiais: um batismo, um casamento ou mesmo declarações de amor.

Ler mais...

O Découpage

O Découpage integrado na cultura do Pays-d'Enhaut 

Várias conclusões temos vindo a reter da investigação efetuada a esta arte tradicional do Pays-d'Enhaut, na Suiça. Como mencionámos em artigo anterior, o Découpage, ao longo dos tempos, tem sido mais ou menos levado por diante, graças a alguns artistas, normalmente não conceituados no sentido de que são pessoas simples e não inseridas nos privilegiados meios artísticos. Por todo o mundo, desde épocas remotas, a arte de Découpage em papel tem sido efetuada e exercitada. Contudo, é no Pays-d'Enhaut, na Suiça que o Découpage assume um especial relevo pela importância que lhe é dada nos meios culturais da região e por toda a Confederação Helvética.

Ler mais...

Padrões de relevo

Relevo em vasos de vidro

Vasos de vidro ou garrafas e copos cujas superfícies constituem padrões em relevo, assim fabricados de origem, são bons elementos e bases de trabalho principalmente para quem pretende iniciar-se na aplicação da técnica de pintura sobre o vidro, de um modo simples e prático. Neste caso, os relevos existentes podem servir de guia para dar largas à pintura, cujos motivos ali estão já desenhados bastando agora decorá-los num exercício de escolha de tons e cores.

Ler mais...

Surrealismo

Surrealismo: movimento artístico duradouro e de repercussões profundas

Além do Cubismo, do Expressionismo e das manifestações iniciais do Abstracionismo, três outras correntes artísticas tiveram grande importância nas primeiras décadas do século XX: o Dadaísmo, o Futurismo e o Surrealismo. O primeiro apareceu em 1916, na cidade de Zurique, Suiça. Proclamava a falência dos valores da sociedade e exaltava a espontaneidade, chocando o público com a inclusão de objetos insólitos nas obras de arte.

Ler mais...