NOTA ! Este sítio utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes.

Se não alterar os parâmetros do seu navegador, está de acordo. Saber mais

Compreendo

ArteAzul-Atelier

 

Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos informações acerca da sua utilização do site com os nossos parceiros de redes sociais, publicidade e análise. Ver detalhes

Pintura a Óleo
 - originais e reproduções de arte sacra a óleo

"A Sagrada Família" de Rafael Sanzio reproduzida a óleo

Passou já um ano desde que foi inserida na galeria virtual das obras ArteAzul-Atelier a primeira foto da fase inicial da reprodução a óleo de arte sacra "A Sagrada Família" cujo original se encontra no Museu do Louvre, em Paris e é da autoria de Rafael Sanzio, em italiano – Raffaello Sanzio, pintor nascido a 6 de abril de 1483, em Urbino e falecido a 6 de abril de 1520, em Roma.

Reprodução a óleo de arte sacra

Uma boa imagem, obtida por fotocópia onde as cores se expressem muito próximas da pintura original e as formas perfeitamente evidentes, constitui uma das partes essenciais para iniciar uma boa execução na reprodução de um quadro. Evidentemente que se procura reproduzir não só um esquema perfeito de linhas de contorno, colocadas e desenhadas nos sítios certos, como também as cores deverão encontrar-se tanto quanto possível próximas da realidade da composição a reproduzir.

Trabalhos do Atelier, por Amélia Raio

No ArteAzul-Atelier são várias as considerações que pensamos importantes e obrigatoriamente a ter em conta para uma boa reprodução a óleo de Arte Sacra. Entendemos que os procedimentos que utilizamos não obedecem a nenhum rol de regras teóricas estabelecidas por qualquer corrente artística ou por técnicas oriundas das escolas de Belas Artes.

Pintar a realidade ou simplesmente estilizá-la

A História da Arte tem sido marcada, desde as origens, pelo conflito entre o naturalismo e a estilização - a realidade das coisas, dos objetos, das paisagens e realizações humanas em contraposição com a representação muitas vezes designada por abstrata, sem que se percebam verdadeiramente as formas conforme a sua arquitetura real.

Relação entre as cores

Na pintura, uma cor isolada não tem qualquer sentido. O seu significado depende da relação que se estabelece com as cores que estão à sua volta. Portanto, para usar bem as cores, é necessário saber como associar as diversas matizes e como combiná-las.

A Luz e o tratamento da luminosidade

O quadro representado ao lado foi pintado por um dos artistas que mais se empenharam em estudar os efeitos luminosos na paisagem - o pintot espanhol Joaquín Sorolla (1863-1923). O destaque dado à luz e o tratamento da luminosidade revelam a influência dos impressionistas e fauvistas no estilo do autor.

Marinhas: tonalidades do mar ao longo do dia

Os quadros que representam cenas marítimas são designados por marinhas. Neste artigo focamos essencialmente as tonalidades do mar ao longo do dia. Contudo, vários são os fatores que contribuem para a diversidade de tons e de cores como a luminosidade do céu, a profundidade das águas, a concentração de algas.

Caixa decorada com guardanapo

Caixa de madeira decorada com recortes de guardanapo

Um dos objetos apropriados e mais apreciados para utilizar a técnica de guardanapo é uma caixa de madeira. Esta pode facilmente ser transformada num elemento decorativo e também num objeto de utilidade, como por exemplo um atraente guarda-jóias. Na escolha de uma caixa, devemos certificar-nos se a tampa não é demasiado justa, pois com as sucessivas camadas de verniz que são exigidas nesta técnica o volume aumenta, impedindo o seu fecho.

Ler mais...

Naperom

Naperom "richelieu"

O naperom que mostramos na imagem resulta da aplicação da técnica de pintura e recorte em tecido, imitando o bordado "richelieu". A peça, de cor vermelha, muito apropriada à decoração na época natalícia, pode no entanto enquadrar-se perfeitamente num ambiente de interior moderno ou clássico aos quais se pretende imprimir uma atmosfera acolhedora de tons quentes.
Ler mais...

Método

Metodologia Projetual

Há uma necessidade absoluta em seguir métodos específicos nos diversos projetos em todas as atividades, nomeadamente e concretamente as que dizem respeito ao design e às artes decorativas, tema a que nos dedicamos neste website. Transcrevemos assim, a seguir, um excerto do livro "Das Coisas Nascem Coisas" de Bruno Munari que, no essencial, nos descreve a importância da metodologia projetual antes da execução de qualquer trabalho.

Ler mais...

Flores de Musse

Flores de tecido musse

Das chamadas meias de musse, se possível com diversas cores, pode aproveitar-se o seu tecido para iniciar um trabalho cujo objetivo é formar um conjunto floral imitando as flores verdadeiras.

Ler mais...

Pintura em Tecido e Recorte - Richelieu

Utilização de termolina leitosa a pincel

Na pintura em tecido com recorte, usando tecidos de algodão ou linho, previamente lavados para retirar toda a goma, podemos transformar esse tecido numa bela peça imitando o Richelieu, através do emprego de tintas de contorno dimensionais, de uma só cor ou conjugando cores.

Ler mais...

Paisagem e Composição Realística

Paisagem - dificuldades na sua representação

A paisagem na pintura é relativamente recente na História da Arte. Até ao século XVII, a paisagem era usada apenas como cenário, ou pano de fundo, de um quadro. Praticamente não lhe era atribuída importância. Podemos afirmar que a paisagem era um simples adereço que servia somente para enquadrar e envolver um motivo muito mais importante como um retrato. Um dos primeiros artistas a atribuir à paisagem um papel mais importante foi o veneziano Giorgione (1477-1510), que pintava as suas figuras rodeadas de árvores frondosas, vales e colinas. Durante o século XVII, diversos pintores holandeses fizeram da paisagem o tema central das suas obras.

Ler mais...

Vira-ventos

Construção de vira-ventos

Para efetuar pequenos vira-ventos, brinquedos de papel utilizados por crianças e adolescentes, que giram pela ação do vento, utiliza-se papel simples - branco, colorido ou decorado com pinturas -, acetatos, folhas de revista. Os vira-ventos podem executar-se com inúmeras formas: quatro, cinco, seis, oito ou mais pontas, partindo de superfícies de papel, respetivamente, quadradas, pentagonais, hexagonais, octogonais.

Ler mais...

Padrões de relevo

Relevo em vasos de vidro

Vasos de vidro ou garrafas e copos cujas superfícies constituem padrões em relevo, assim fabricados de origem, são bons elementos e bases de trabalho principalmente para quem pretende iniciar-se na aplicação da técnica de pintura sobre o vidro, de um modo simples e prático. Neste caso, os relevos existentes podem servir de guia para dar largas à pintura, cujos motivos ali estão já desenhados bastando agora decorá-los num exercício de escolha de tons e cores.

Ler mais...

Plasticidade

Pintura a Óleo

Nuances de plasticidade através da tinta sobre uma base húmida

De todas as formas de expressão pictórica, a pintura alla prima é a que mais possibilidades oferece no que diz respeito à plasticidade. Ela permite modelar as imagens com a tinta ainda húmida, criando empastamentos (camadas espessas de tinta), cuja textura e consistência valorizam o resultado final da obra. O efeito produzido pela pincelada imprime, assim, maior plasticidade ao trabalho, dando-lhe um relevo quase escultórico.

Ler mais...

Carteirinha

Carteirinha de senhora

O Atelier tem vindo a realizar uma série de pequenas bolsinhas em croché de dimensões reduzidas, mais ou menos 11cm X 6cm X 6cm. Apresenta-se agora uma peça ligeiramente maior, 27cm X 15cm X 10cm, uma pequena carteira, utilizando-se do mesmo modo a técnica de croché.

Ler mais...

A Arte como Esperança

A arte nasce da diversidade, não da oposição

A arte é o oposto da atualidade. Os jornais, depois de terem sido lidos, deixam de nos interessar. O mesmo acontece com a maior parte dos espetáculos televisivos. Achamo-lhes graça e rimos, mas não podemos vê-los uma segunda ou uma terceira vez. E o mesmo sucede com a maioria dos livros, dos filmes. Interessam-nos, divertem-nos, mas quando repetimos, aborrecem-nos. Todavia, estranhamente, existem alguns que podemos ver ou ler muitas vezes. E de cada vez que o fazemos, descobrimos neles coisas novas, saímos mais enriquecidos. O que têm de especial estas obras que parecem inesgotáveis?

Ler mais...

Arranjos de Natal

Composições "Arranjos de Natal"

Em decorações de espaços interiores, por exemplo numa sala principal onde decorrem anualmente as festas alusivas à quadra de Natal, servem muitas vezes os centros de mesa ou jarrões como suporte a Arranjos de Natal elaborados com materiais diversos, juntando peças já usadas em anos anteriores ou peças novas, umas e outras com cores fortes e quentes como é o caso dos tons vermelhos associados às cores complementares dos tons verdes, resultando daí composições extremamente expressivas e contrastantes de modo a simbolizar a força e o calor humanos que nestas alturas devem prevalecer nos ambientes familiares.

Ler mais...